Grandes Ecossistemas Terrestres

Florestas: são grandes áreas cobertas por densa vegetação, composta por árvores de grande porte e arbustos. Em função de suas características e de seus aspectos, são distinguidos três tipos de florestas:

Florestas tropicais: localizadas nas proximidades do equador; existentes em ambientes muito úmidos e quentes; situadas em regiões de lata pluviosidade; solo pouco iluminado, úmido e coberto de folhas; pobres em vegetação rasteira e em plantas que se desenvolvem presas aos troncos de árvores (epífitas); grande diversidades em espécies vegetais; pobres em espécies de mamíferos e feras; grandes quantidades de insetos, aves, roedores, lagartos, serpentes, macacos, etc; a fertilidade do solo depende da presença da cobertura vegetal.

Florestas temperadas: localizadas em ambientes de climas temperados, com as quatro estações do ano bem diferenciadas (Europa e parte do hemisfério Sul); árvores de folhas largas, que caem no fim do outono (folhas caducas); na primavera desenvolvem folhas novas, recomeçando o ciclo reprodutivo; as plantas características são o carvalho e a faias (Europa) mais os bordos (América do Norte); a fauna é diversificada, com esquilos, lobos, veados, ursos, vários felinos, aves, insetos, etc.

Floresta de pinheiros (coníferas): situadas em regiões de invernos rigorosos e prolongados (Canadá e Alasca); também denominadas taiga; muitos pinheiros e poucos outros produtores; as folhas dos pinheiros são resistentes à neve; quase não possuem epífitas e plantas rasteiras; fauna pouco diversificada, predominando os alces, lebres do ártico, lobos, lince, veados, raposas, visons, esquilos, martas, etc.

Campos e Campinas: são biomas onde há predominância de vegetação rasteira, herbácea. Nos campos, também chamados de savanas, existem arbustos e pequenas árvores esparsas, além das gramíneas. Nas Campinas, também denominadas estepes, a vegetação é constituída praticamente por capins que se estendem por grandes planícies.

As savanas se encontram na África, Ásia, Austrália e América do Sul, e são constituídas por vegetação de clima tropical, onde as estações são chuvosas e de seca. Os solos são arenosos e argilosos, e pobres em nutrientes. Na savanas vivem grandes herbívoros como girafa, elefante, zebra e outro animais como leão, leopardo, capivara, ema ,avestruz, seriema e uma ampla variedade de invertebrados.

As pradarias norte-americanas e os pampas argentinos são exemplos de estepes, neles são encontrados herbívoros como o bisão, antílope e roedores, carnívoros como raposa, lobo,cobras, aves de rapina, coiote, além de vários tipos de insetos.

Desertos:  regiões de clima muito seco, com baixa pluviosidade, altas temperaturas durante o dia e baixas durante a noite. A vegetação é rarefeita, com pequenos arbustos que desaparecem ou perdem as folhas durante os períodos secos, ou plantas tipo cactos que armazenam água em seus tecidos. Ocorrem na África, Austrália, Estados Unidos e México, os animais mais característicos desta região são as cobras, escorpiões, roedores, lagartos, insetos, aves corredeiras, etc.

Tundra: bioma típico das regiões polares, é composta por pequenos arbustos e plantas rasteiras, predominando os musgos e liquens. Depois da neve, quando ocorre o degelo, formam-se pântanos, pois a água não consegue penetrar, uma vez que a camada inferior do solo permanece congelada. A fauna é reduzida, sendo composta por rena, caribu, boi almiscarado, raposa azul, lemingues, aves e insetos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *


*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>